Banca Examinadora de Defesa

INFORMAÇÕES IMPORTANTES

Ofício Circular n.º 001/2019/PPGEF – Título da versão final de dissertações e teses aprovadas junto ao PPGEF

Ofício Circular n.º 24/2019/PROPG – Orientações sobre prazo de entrega da versão final de dissertações e teses à BU e reprovação em caso de atraso

Modelo de declaração – participação de membro externo por Videoconferência

ORIENTAÇÕES GERAIS

As bancas examinadoras de dissertação e de tese devem ser formalizadas junto à Secretaria do Programa com antecedência mínima de 30 (trinta) dias da data da sessão, com o envio do ofício de marcação da defesa para o e-mail ppgef@contato.ufsc.br, devidamente assinado pelo orientador. Quando necessário, a Coordenação do Programa poderá solicitar maior antecedência nesta formalização.

Caberá ao discente a responsabilidade do prévio agendamento do Auditório do Centro de Desportos ou do Auditório do Prédio Administrativo com a Secretaria do CDS (http://portalcds.ufsc.br/espaco-fisico/), antes da formalização da defesa junto ao PPGEF. Caso não haja disponibilidade de utilização destes espaços na data escolhida para a defesa, caberá ao discente a responsabilidade de efetuar o agendamento em outro local da Universidade. O mesmo se dá em relação ao agendamento do local apropriado para a realização de defesas com a participação de membros externos por meio de sistemas de interação de áudio e vídeo em tempo real.

Além disso, todas as informações constantes no ofício de marcação da defesa devem estar corretas, principalmente a grafia dos nomes dos membros participantes, uma vez que é a partir deste documento que se confecciona todo o material utilizado na defesa do candidato (ata, portarias, declarações, dentre outros).

De acordo com o regimento do Programa e a Resolução n.º 095/CUn/2017, a constituição das bancas de qualificação e de defesa deverá ocorrer da seguinte forma:

Mestrado: a banca examinadora será composta por dois membros titulares, sendo ao menos um deles externo ao Programa; além disso, na designação da banca deverão constar dois membros suplentes, um interno e outro externo ao Programa.

Doutorado: a banca examinadora será composta por três membros titulares, sendo ao menos um deles externo à Universidade; além disso, na designação da banca deverão constar dois membros suplentes, um interno ao Programa e outro externo à Universidade.

Abaixo encontram-se os modelos de ofício de defesa para bancas de Mestrado e de Doutorado:

Ofício de marcação de Defesa de Mestrado

Ofício de marcação de Defesa de Mestrado – Videoconferência

Ofício de marcação de Defesa de Doutorado

Ofício de marcação de Defesa de Doutorado – Videoconferência

O prazo máximo para a realização da defesa de dissertação é o último dia do 24º mês do início do curso e da defesa de tese é o último dia do 48º mês do início do curso. Havendo a necessidade de se prorrogar este prazo, o orientador do estudante deverá entrar com um pedido de prorrogação plenamente justificado junto à Coordenação do Programa. Segundo a Resolução n.º 095/CUn/2017, o pedido de prorrogação deve ser protocolado no Programa no mínimo 90 (noventa) dias antes de esgotar o prazo máximo de conclusão do curso. Para maiores informações, acesse Aluno>Requerimentos>Prorrogação de prazo para qualificação ou conclusão do curso.

Caso a banca preveja a participação de membro externo à UFSC que seja de outra cidade e que tenha o seu deslocamento custeado pelo Programa, deverá ser enviado anexo ao Ofício de Marcação de Defesa, devidamente preenchido e assinado pelo orientador, o documento disponível abaixo:

Formulário de solicitação de passagens e diárias para membros externos

Para o preenchimento deste formulário, é necessário que o orientador entre previamente em contato com o membro externo para checar todas as informações relativas ao deslocamento do mesmo. Salientamos que, atualmente, o Programa custeia apenas passagens e diárias para um membro externo da banca de doutorado. Caso o segundo membro externo da banca de doutorado não seja da Grande Florianópolis, deverá participar da defesa por meio de videoconferência, assim como os membros externos das bancas de mestrado que também não forem da região.

Quanto à solicitação de passagens e diárias, importa ainda atentar que:

– Neste momento, o Programa está concedendo passagens e diárias somente para um membro externo da banca de doutorado;

– Obrigatoriamente, as passagens são compradas com a ida tendo antecedência máxima de um dia e com a volta sendo no máximo no dia seguinte ao da realização da banca;

– Não é possível ressarcir gastos com táxi, estacionamento ou combustível ao professor convidado;

– Uma vez compradas as passagens aéreas, é impossível ao Programa realizar alterações nas mesmas, o que caberá ao próprio beneficiário dos bilhetes;

– O professor convidado que receber passagens aéreas ou rodoviárias deverá encaminhar à Secretaria do Programa os comprovantes de utilização dos bilhetes para posterior prestação de contas junto ao SCDP.